Logo

Inovação em Serviços

A participação dos serviços no Produto Interno Bruto brasileiro é de mais de setenta por cento.

 

O setor de serviços reúne uma gama muito ampla de atividades, desde serviços pessoais simples até serviços industriais complexos.

 

A tendência de integrar produtos e serviços, conhecida como servitização, parte do pressuposto de que os consumidores estão mais interessados no uso do produto do que ter sua propriedade.

 

Os teóricos destacam quatro aspectos tradicionais dos serviços:

 

- intangibilidade;

- heterogeneidade;

- simultaneidade entre produção e consumo;

- não transmissão do direito de propriedade.

 

Inovações incluem tanto serviços novos ou melhorados, quanto novas formas de prestar e entregar serviços. São exemplos destas inovações:

 

- self-service

- peer to peer

- crowdfunding

 

Para inovar, é necessário incorporar as características de cada tipo de serviço.

 

Citar as inovações mais impactantes ajuda a mostrar que o setor de serviços também se inova, mesmo por que os prestadores de serviços são obrigados a inovar em algum ponto, e com isso, se tornarem conhecidos e admirados pelos consumidores.

 

O Facebook e Youtube são modelos evidentes de negócios que excluem a necessidade de investimentos em conteúdos próprios.

 

A eliminação de pessoa intermediária se vê nos serviços do WhatsApp, Amazon e Mercado Livre.

 

O aproveitamento de bens ociosos emplacou com Airbnb e Uber.

 

E a servitização ganhou impulso com a Netflix e Spotify.

 

Para aumentar o ganho de um serviço de menor escala, o prestador precisa abandonar a precificação por hora trabalhada ou por consulta, e focar em modelo de serviço que rende independentemente do tempo de prestação.

 

Muitos profissionais, como contadores, advogados, médicos, consultores, utilizam tecnologia na prestação de serviços, mas o serviço tende a permanecer personalizado, e com custos operacionais elevados.

 

Este desafio está posto, e quem quiser prosperar, terá de investir em inovação tecnológica e em novas formas de prestação de serviços.

 

 

Referência: Inovação em serviços na economia do compartilhamento/Paulo Bastos Tigre, Alessandro Maia Pinheiro (coords). São Paulo, Saraiva Educação, 2019.

 

RESENHADO POR:

DEUSMAR JOSÉ RODRIGUES

Contador e Advogado

 

CONTATO:

www.ottcontabilidade.com.br

 


Voltar


Compartilhar

Todos os direitos reservados ao(s) autor(es) do artigo.

Fale Conosco

Fone(s): (62) 3624-4268 / (62) 3624-4139

contato@ottcontabilidade.com.br

Localização

Av. T-7, n.º 371, Edif. Lourenço Office, salas 1102 e 1103, Setor Oeste, CEP 74140-110, Goiânia (GO)

Direitos Reservados à ® | 2022

Content

Informe seus dados

ajuda-chat
ajuda-chat
ajuda-chat_open