Logo

Resultados Previsíveis em Tempos Imprevisíveis

Os grandes líderes se ancoram em princípios que são certos e sólidos, mesmo num ambiente fluído e inconstante. Sabem que o mundo é imprevisível. Ainda assim, conseguem resultados previsíveis.
 
As empresas, tentando navegar em tempos imprevisíveis, enfrentam quatro perigos principais: falha na execução, crise de confiança, perda de foco e medo disseminado.
 
Você pode se esquivar dos perigos e vencer, se:
 
I) executar prioridades com excelência;
II) mover-se com a velocidade da confiança;
III) realizar mais com menos; e
IV) reduzir o medo.
 
EXECUTE PRIORIDADES COM EXCELÊNCIA. Pesquisam mostram que as empresas vencedoras em tempos difíceis têm metas simples repetidamente revisitadas, aliadas a alvos claramente definidos e forte acompanhamento, incluindo a mensuração de resultados. São elementos de um bom sistema de execução:
 
I) focar nas metas principais;
II) certificar-se de que todos saibam a tarefa específica a ser feita para atingir essas metas;
III) manter placares; e
IV) estabelecer um ciclo regular de acompanhamento.
 
MOVA-SE COM A VELOCIDADE DA CONFIANÇA. A confiança sempre afeta dois resultados mensuráveis: velocidade e custo. Quando a confiança cai, a velocidade cai e os custos sobem. Se você é visto com desconfiança, as pessoas irão recusar ativamente a fazer negócios com você. Três são os comportamentos formadores de confiança:
 
I) crie transparência: é dizer a verdade de maneira que as pessoas possam verificar e validar por si mesmas, pois as pessoas acreditam naquilo que vêem;
II) mantenha seus compromissos: não prometer demais e fazer de menos;
III) demonstre confiança: grandes realizadores querem ser confiáveis, e eles vão entregar o prometido.
 
REALIZE MAIS COM MENOS. Uma crise nos tenta a tirar o foco dos clientes e empregados e colocá-lo sobre as finanças. Ficar enterrado em orçamentos e planilhas pode levar a dispensas estúpidas, mais que focar em valor. Empresas bem-sucedidas estreitam o foco em construir a fidelidade dos clientes e empregados, e apertam o botão “reiniciar” para alinhar-se em torno dessas prioridades. Fazer mais com menos não significa dizer “sim” para mais coisas; significa dizer “não” para mais coisas e “sim” apenas para as coisas mais importantes (o que devemos fazer para ajudar nossos clientes a alcançar seus objetivos mais importantes).
 
REDUZA O MEDO. A recessão econômica produz uma debilitante recessão psicológica. E os custos do medo são pesados. Até mesmo em tempos normais, perturbações consomem perto de 28% de um dia de trabalho. Nestes tempos confusos, as pessoas estão mais desnorteadas mentalmente do que nunca. E como gerenciar o medo? Olivier Blanchard aconselha a dar-se instruções absolutamente claras. Com uma missão clara e inequívoca, as pessoas podem transformar ansiedade em ação e produtividade. Você extermina com sucesso o medo debilitante ao mudar os paradigmas produtores do medo. O caminho é mudar sua mentalidade do círculo de preocupações para o Círculo de Influência. Na era do conhecimento, as pessoas são valorizadas por suas contribuições únicas: sua capacidade de aprender, de se adaptar, de inovar, capturar oportunidades de maneira empreendedora. Elas não são máquinas para serem ligadas e desligadas de acordo com um cronograma.
 
Autor: Covey, Stephen R. Resultados previsíveis em tempos imprevisíveis. Osasco, SP, Novo Século Editora, 2011.
 
Resenhado por:
DEUSMAR JOSÉ RODRIGUES
Contador e Advogado

Contato:
www.ottcontabilidade.com.br

Voltar


Compartilhar

Todos os direitos reservados ao(s) autor(es) do artigo.

Fale Conosco

Fone(s): (62) 3624-4268 / (62) 3624-4139

contato@ottcontabilidade.com.br

Localização

Av. T-7, n.º 371, Edif. Lourenço Office, salas 1102 e 1103, Setor Oeste, CEP 74140-110, Goiânia (GO)

Direitos Reservados à ® | 2020

Content

Informe seus dados

ajuda-chat
ajuda-chat
ajuda-chat_open